Keblinger

Keblinger

"O sexo" por @Leozaqueu, @fbbraun & @simonebrichta

| sexta-feira, 22 de julho de 2011

...e o sexo,quase sempre, tão delicioso,
ainda não era o maior e mais (pro)fundo prazer que eram.
Havia bem mais, haviam aquelas volúpias,
ocultas de todos, só por eles sabidas e provadas.
Onde, já não tão curtos de almas e corpos...
aprendiam-se (que) seus universos, abaixo da cintura, tão gostosos,
eram apenas uma pequena porção,
um pequeno bocado,
uma pequena mordida do que eram...
bichos-desejantes,
cio-sonhadores de poemas a escrever.


E de letras a lhes preencher.... [Flávia Braun ]


E a cobrir o pudor-charme,
delicado fingimento...
Nua melodia esparramada,
sorrindo (in)quieta...


E é sempre o contraponto alucinado
nos acordes em gestos flexuosos,
e a lua, percebe-se despida, na noite enluarada. 

Imagem daqui

1 comentários:

{ Ives } at: 26 de julho de 2011 18:35 disse...

Olá, lindo blog, abraços

 
Customizado por Dulce Miller

Copyright © 2010 Nostra Dolce Vita